terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Alfandega de Lisboa - Tenho vergonha deste País!






Não há dúvida que no nosso País se tenta "roubar" de toda a maneira e feitio.
No ano passado, tendo eu um grupo de boas amigas brasileiras, a quem costumava enviar um mimimnho pelo Natal, decidiram cada uma fazer um miminho (artesanato) juntarem as prendinhas todas e fazerem-me uma surpresa pelo meu aniversário.

Qual não é o meu espanto quando recebo o aviso dos CTT, informando que existia uma encomenda em meu nome e que teria de pagar 220€ de taxa aduaneira.

Como é evidente, ri-me! Então estão a enviar-me prendinhas de aniversário e eu ainda tenho que pagar uma pipa de massas para levantar a encomenda?

Nem de longe, nem de perto! Enviei um email para os CTT com cópia para a Alfandega de Lisboa informando que não iria levantar a encomenda e que agradecia que a devolvessem ao remetente de imediato.

Bem fizeram força para não reenviarem o pacote. Demoraram cerca de uma mês. Porquê? Porque aquela treta deve funcionar com "Lost & Found" dos aeroportos. Após "X" tempo, as malas não reclamadas são abertas e o conteúdo é dividido pelo pessoal. Material estragado vai para o lixo.

Ora panos de loiça bordados, toalhinhas de rosto bordadas e personalizadas não se estragava, tais como as havaianas bordadas. Portanto...nada como fazerem-se de esquecidos e tentarem não reenviar o pacote para o Brasil.

Só que o basqueiro foi tão grande, os CTT no Brasil foram de tal forma apertados, que até meteu advogado pelo meio e aqui os portugas não tiveram outra opção se não reenviar o pacote.

Moral da história: - Tudo o que vinha no pacote chegou às minhas mãos sem pagar os ditos 220€. Demorou mas chegou e não sustentei xulos!

Agora, andei a correr tudo o que era loja, hipermercado, supermercado, internet em busca de um jogo de cozinha de 5 peças - escumadeira, concha da sopa, etc... em silicone.

Apenas o El Corte Inglês tinha mas cada peça da sua côr. Um Carnaval!

Entretanto, descobri num site brasileiro o célebre conjunto todo em preto. Óptimo!

Falei com uma amiga e ela mandou-me as 5 peças pelos CTT.

Para levantar a malfadada encomenda...lá terei de pagar 48,99€. Eu nem sei quanto custou o dito conjunto porque a minha amiga decidiu oferecer-me.

Quando lhe telefonei informando de que a encomenda havia chegado e que teria de pagar essa quantia, a moça até "rugiu" do outro lado da linha telefónica e perguntou-me: Me diga uma coisa, querida, "Portugau" tá pior que o Brasiu?

Falavam tanto do Brasiu e agora "Portugau" agora tá roubando o povo?

" Tá rounando si, querida, aqui o povo já quase num come, num ri, tá infeliz e os "véios" vão morrer tudinhos" - foi a minha resposta!

13 comentários:

  1. Tberm estou aguardando o presente que envie para meu amigo qyuue tbem ainda nao recebeu..Vou aguardar mais um pouco pq enviei com tanto carinho e acho injusto caso ele nao receba..
    ionara

    ResponderEliminar
  2. eu sou brasileira vivo aki a 15anos e estou com problema de saude xamado abaulamento discal,a minha medica de familia nao conseguiu um hortopedista p.mim pq em estremoz n ha hortopedista,e tenho q ser medicada e acompanhada p.um especialista n.caso,eu ando sofrendo com dores constantemente e pedi p. me enviar os remedios q meu medico do brasil me receitou,agora fui ate o ctt pra saber onde anda minha encomenda e fui informada q esta na alfandega em lisboa e q vou ter q pagar p.retirala e me advertiu q nao sera barrato,imagina isso é pq eu estou a viver n.pais de 1mundo,kkkkkmas tmbem ta em crise deve ser p.isso q kerem q pagamos por tudo e p.nada,so q vao ter q devolver meus remedios p,deixar de ser exploradores.isso e portugal minha gente!kkkkkkkk,nao manda nada p.correios nao pq paga o remetente pelo envio da encomenda, e paga o destinatario para os larapios da alfandega liberar tua encomenda,kkkkk,isso é um absurdo!

    ResponderEliminar
  3. Olá! e como é que fizeste para que recebesses a encomenda sem pagar? que orgãos contactaste??
    Por favor contacat-me pois me aconteceu exactamente o mesmo , e é uma pena, pois é roupa de bebé, para o meu bebe que nasceu ha 3 meses. Foi um presente dos sogros, e estou a ver que....não vou receber nada.

    rubbyvan@gmail.com

    ResponderEliminar
  4. É grave que assim seja neste país. Mas aquilo que eu acho mesmo grave é o tempo interminavel que eles demoram a processar a encomenda

    ResponderEliminar
  5. é ridiculo os valores que pedem.
    Até podem e devem pedir para pagar direitos, agora, o que dá vontade e de mandar vir "merda" (estrume) de varios paises...e fazer uma tese.
    Para ver que tipo de merda é mais cara em portugal..

    ResponderEliminar

  6. eu tinha uma encomenda RI443883940CN no valor total já com custo de envio 49.37 euros para desalfandegamento.

    Hoje recebi minha encomenda com carta de valor para pagar 22 ,90 euros
    este valor que eu paguei e de 47 % de minha encomenda !

    Acho que eu paguei de mais.....

    ResponderEliminar

  7. eu tinha uma encomenda RI443883940CN no valor total já com custo de envio 49.37 euros para desalfandegamento.

    Hoje recebi minha encomenda com carta de valor para pagar 22 ,90 euros
    este valor que eu paguei e de 47 % de minha encomenda !

    Acho que eu paguei de mais.....

    ResponderEliminar

  8. eu tinha uma encomenda RI443883940CN no valor total já com custo de envio 49.37 euros para desalfandegamento.

    Hoje recebi minha encomenda com carta de valor para pagar 22 ,90 euros
    este valor que eu paguei e de 47 % de minha encomenda !

    Acho que eu paguei de mais.....

    ResponderEliminar
  9. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  10. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  11. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  12. Para além de estar a saque há muito tempo, agora é mesmo sem vergonha, ou seja, as quintas deste país como a alfandega (ramificações do grande polvo central), andam sem rei nem roque, cada um mete ao bolso da forma que mais convém, mesmo passando por cima da lei comunitária que tutela as encomendas particulares, como foi agora a pouca vergonha que fizeram na alfandega ao baixarem o valor de isenção de 45 € para 22€, servindo-se de uma lei feita à pressa na assembleia (Academia Alibabá, cabeça do polvo), a qual passou por cima da comunitária, que já tinha revogado o artº 22º do Dec-lei 31 de 89. Ou seja esta nova lei 7-A/2016 está a violar grosseiramente o Regulamento 1186_2009 CEE, que no seu art 26º, define os valores para encomendas particulares: 45€! Mais sujo, é o facto de dizerem que esta nova Lei de 2016, vem revogar o DEc-Lei 31/89, o qual já tinha sido revogado anteriormente! Para não falar ainda da violação grosseira do código administrativo, que nestes casos, teria de ser aplicada a Lei mais favorável àqueles que já tinham encomendado os seus produtos! E enquanto o Zé Povinho come e cala, saca-se descaradamente na alfândega, agindo de má fé, pela calada, após a publicação da nova Lei, retendo de surpresa todos as encomendas dos últimos meses para fiscalização (saque, só falta dizer “mãos ao ar”)... E para indignar mais a vergonha daqueles que a têm, ainda retêm os produtos meses a fio, atrasando a sua entrega o mais possível. Certamente esta mensagem, há-de chegar à Deco (Valha-nos Deus), e também à Rainha Polvo Gigante, a grande Mestra, que ramifica para estes polvos centrais… A grandiosa União Europeia, onde é necessário sacar muito dinheiro para pagar as vidas de Rei de quem lá trabalha, em nome do povo (escravos duma ditadura disfarçada de Democracia). Com ironia, viva a liberdade, abaixo os regimes ditatoriais como o nosso, fora os ladrões, fora os vigaristas.

    ResponderEliminar